sexta-feira, 13 de novembro de 2015

A Vida é Feita de Saudades

Eu ando bastante saudosa ultimamente. Sentindo falta de inúmeras coisas. Inúmeras pessoas. Inúmeros momentos. Inúmeros sonhos. Inúmeros sentimentos. Inúmeras eu. Porque fui várias dentro de um só corpo. Várias dentro do conjunto da mente. Fui corajosa. Fui covarde. Fui forte. Fui fraca. Fui egoísta. Fui altruísta. Fui milhares de coisas. Fui variadas formas de mim mesma e sinto pelo menos um pouco de falta de cada uma das muitas eu que existiram.


Sinto falta de diversas pessoas. De uma amiga que era tão próxima e hoje está tão distante. De uma colega de infância que nunca mais vi. De uma pessoa que era muito especial e que já não faz mais parte da minha vida. Da minha professora de sociologia. De alguém que eu convivi quase todos os dias nos últimos anos e que agora não é mais assim. Da minha mãe... e olha que a vi hoje de manhã.

Sinto falta do dia em que brinquei em poças d'água com uma amiga. Do dia em que me batizei e senti uma paz e alegria impossíveis de descrever. Da minha formatura. Da vez em que ri com alguns amigos especiais até a barriga doer. Do dia em que soube que ganharia uma irmã. Do momento em que ouvi o que eu mais queria escutar.

Sinto falta de quando eu tinha certeza que me tornaria uma escritora famosa. De quando pensei em ser uma jornalista de redação. De quando achei que minha vocação era psicologia. Da felicidade de descobrir a minha verdadeira vocação, a história. De quando eu ficava sonhando com a minha futura família. Quando pensava em como ela seria.

Sinto falta da ingenuidade de acreditar que as pessoas não podiam ser más. Da certeza que eu tinha de que tudo iria dar certo. Da crença de que as mães não erravam nunca. Pelo menos a minha não. Saudades das borboletas no estômago. Da felicidade de estar um pouco menos tímida.

Tantas coisas fazem falta... A vida é feita de momentos. E momentos viram lembranças. Lembranças boas viram saudade. Por isso, apesar de ruim, a saudade também é boa. É o tipo de coisa que não da pra evitar. Até porque, essa companheira que espezinha a alma e ao mesmo tempo a acaricia, estará sempre presente. Nos derrubando e nos levantando. Nos enfraquecendo e nos dando forças. Para sempre.

Por isso sentimos tanta necessidade de guardar os momentos. Tiramos fotos, escrevemos em diários, gravamos vídeos. Eu mesma fiz tudo isso. Porque temos necessidade de lembrar. De guardar cada acontecimento bom e revisitar quantas vezes quisermos. Porque a vida é feita de lembranças. Porque a vida é feita de saudades.

Gostou do texto? Conte pra mim aí nos comentários de que ou quem você sente saudades. Ah, e não esqueça de dar G+ no post para que mais pessoas leiam. Até a próxima!

27 comentários:

  1. Oii, como vai?
    Vou confessar que este teu texto me fez colocar a culpa em um cisco em meu olho, me senti completamente parecida com o que tu disse, em vários momentos a gente se mente assim, podemos possuir diversas coisas ao nosso redor, mas sempre algo falta em nossa vida. Eu sinto falta de quando não precisava pensar em faculdade, quando a minha única preocupação era fazer a Barbie ter milhares de vestidos rosa (coisa linda), mas é assim não é!? Sinto falta de ter dado pouca valorização pra mim infância e para meus avós que não estão mais ao meu lado. Eu te entendo, de alguma forma eu compreendo teu sentimento.
    Beijos (desculpa pela desabafo, é raro encontrar textos assim, obrigada)
    segredosliterarios-oficial.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa adorei seu texto. Confesso que sinto uma saudade imensa de muita coisa, mas a saudade que dói mesmo é a que sinto de minha mãe.

    ResponderExcluir
  3. Muito lindo seu texto parabéns! Lendo ele me dá vontade de continuar escrevendo meu livro, que está arressem no inicio, confesso que não tenho vontade de divulga-lo. Mas quem sabe eu não coloque ele no Wattpad para todos lerem de graça.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  4. Oi Isabella, que texto mais lindo! Fiquei muito emocionada com ele porque tudo ali é uma verdade, a saudade faz parte da vida e consequentemente vivemos com ela sempre, né? É complicado isso, e o seu texto conseguiu falar tudo!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  5. Me senti com o coração apertado. Sinto falta de uma amiga que se foi. Está do lado de Deus, era uma pessoa que gostava muito.
    Sentir saudade pode ser bom ou ruim, isso depende muito da situação.

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Amei o texto! Concordo com você! A vida é feita de lembranças. Eu mesma adoro registrá-las através de fotos principalmente, pois adoro olhá-las depois e me sentir nostálgica lembrando dos bons momentos.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    Concordo em tudo, aliás, estou aqui, enquanto escrevo essas linhas, relembrando de alguns momentos que deixei pra trás, sem saber que jamais voltariam. Mas, fico feliz que eles tenham acontecido, assim terei o que contar aos meus filhos e netos :)

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Isabella,
    Que texto foi esse menina ❤
    Completamente apaixonada e tocada por suas palavras...
    Também sinto muita falta de como eu era no passado, de quando eu era ingênua.
    De quando minha mãe era minha melhor amiga, de quando eu podia ser qualquer coisa porque ela acreditava em mim.
    Sinto falta dos momento que passava com ela mesmo em silêncio.
    Há certas relações que não precisam de muitas palavras para serem fortes.
    Sinto falta até do que não vivi.
    Amei de verdade seu texto. Estou até meio engasgas...
    Amei. Simples assim.

    Abraço e Bons Livros,
    Biblioteca do Coração❤

    ResponderExcluir
  9. por vezes, as melhores lembranças não se registram, ficam apenas em nossa mente e em nosso coração... hehehe
    adorei o post... sou uma saudosa convicta rsrssr

    ResponderExcluir
  10. A vida é interessante... hj mesmo abri um caderno antigo meu, observei diversas anotações, poesias e outros textos. É tão engraçado esse processo de mudança de um pensamento, de se tornar maduro, forte mais seguro de si. O passado trás uma imagem aos meus olhos, meio distante e difusa. Dá uma saudade sim, um pouquinho dolorosa, pq eu já misturei minhas memórias com as projeções que faço. Mudar é um das bases de ser humano, é ser franco, verdadeiro e livre. Dói sim... tem dias que contestamos tudo que foi escolhido ou reparamos que andamos demais e estamos a beira de um precipício, com mais outro turbilhão de mudanças. Mudar é humano, dói porque negamos muitas coisas para abraçar outras, mas se manter preso no confortável é ruim, nd se altera, o ser humano é apoixonado pelos riscos.... sem eles não somos vivos! Vejo o passado como a base que nos impulsiona, "o passado é uma roupa que não nos seve mais", é triste demais ter que deixar sonhos, pessoas e crenças de lado, pois elas representaram muito do que fomos. Mas esse é o mundo, do desapego, das conexões... queremos a solidão, mas queremos calor também, aventura, mas tb a instabilidade... estamos em um conflito constante! rs Parabens moça mandou muito bem em sua reflexão.

    Até as estrelas!

    ResponderExcluir
  11. Oláá
    Nossa, que texto, saudade é uma coisa bem complicada e me identifiquei com esse texto, pois sinto saudades de pessoas e coisas e momentos e tudo mais, adorei

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Isabella. muito bonito seu texto.
    É muito difícil não sentirmos saudade de algo.
    Acho que sinto saudades das brincadeiras de criança.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  13. Isa lindona amei o texto, e afinal do que é feita a vida ?
    De momentos que devem ser vividos intensamente, devemos nos concentrar no agora e receber o que a vida nos presenteia. Amei o texto. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  14. Oii,
    Parabéns pelo texto. Sei o quanto é esse sentimento. E em muitos momentos fico exatamente assim, sentindo saudade de tudo e de todos. Principalmente de pessoas amadas que não estão mais nesse mundo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Que belo texto! Sou daquelas que "sente falta do que há por vir", "do que nem tive"… Saudades das minhas expectativas e do quanto elas me moviam. Acho que, infelizmente, sempre sentiremos saudades e acho que isso é tão humano quanto sentir amor.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Isa,
    Você descreveu lindamente esse sentimento que traz tanta angústia.Ter saudade é algo tão bonito e tão doloroso, não é? Se você sente falta de alguma coisa quer dizer que teve algo tão bom na vida, que vale a pena lembrar. Mas ao mesmo tempo, essa lembrança distante pode machucar perversamente. Eu confesso lembro com carinho de muitas coisas do meu passado, mas poucas eu gostaria de ter novamente. Acho que deixá-las guardadas dentro de mim é tão especial, significa que as vivi e que hoje sou quem sou por causa delas. Sinto falta de um lugar - talvez o único lugar em que eu me senti em casa.

    Beijos,
    Mari Siqueira
    http://loveloversblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Seu texto veio no pior (ou melhor rsrs) momento. Tenho me sentido nostálgica em relação a muitas coisas e confesso que seu texto me fez chorar. E não foi pouco xD Tu escreve muito bem, continue assim!

    Beijos
    http://www.breakingfree.blog.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá, sinto saudade da infância, da inocência quando criança. Sinto saudade do cheiro do feijão na creche, que me trás ótimas recordações. Sinto saudade do abraço apertado da professora da quarta série, sinto saudade do sorriso inocente que já tive estampado no rosto. Sinto saudade de quando o conhecimento era uma fonte somente para os adultos. Sinto saudade da vida leiga que já levei, sinto saudade do passado, das risadas gostosas, dos sorrisos sinceros e do sentimento de liberdade que a felicidade proporcionada.

    UFA! Amei esse texto, muito lindo. Fiquei até emocionada.
    Beijos, Miih e o Mundo Literário

    ResponderExcluir
  19. Que texto belíssimo. Me fez lembrar da época que escrevia textos assim.
    Não gosto muito de falar de saudade que já começo a chorar kkk
    bjs bjs

    ResponderExcluir
  20. Isa, eu sinto tanta falta de tanta coisa também, talvez o que eu mais sinta falta seja da ingenuidade do tempo de criança e de como tudo era tão simples, só bastava o sol lá fora e a gente já se divertia...
    Você escreve muito bem! Já estou seguindo.
    Bjs,

    Juliana Duvi
    http://claqueteliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Ótima reflexão sobre o sentido da saudade. Eu não a vejo coma algo ruim. Ela é uma forma de reverenciarmos as cosias boas do passado.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. adoro guardar fotos, cartas e objetos que me lembrem algo ou momentos e pessoas, a saudades é boa mas também é ruim, amei o texto.

    ResponderExcluir
  23. Oiii que texto lindo e verdadeiro!!
    Eu sinto saudade de muitas coisas, pessoas que se foram e infelizmente não vão voltar mais, sinto falta de épocas, de momentos, de amizades e as vezes isso nos dá um sentimento gostoso, porem em outras ocasiões isso doi e dilacera.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  24. Texto maravilhoso *---* me identifiquei em vários momentos kk e eu ainda tenho certeza que minha vocação é a psicologia , espero que isso não mude . Suas palavras me fizeram lembrar de vários momentos que ja se passaram e realmente senti muita saudade. Parabéns, texto perfeito.

    ResponderExcluir
  25. Emocionante e nostálgico
    ❤️
    Parabéns, muitos parabéns mesmo!

    ResponderExcluir
  26. Ain!!!
    Que texto lindo!! Estou apaixonada por ele <3.
    Com certeza me identifiquei ;)
    bjs

    ResponderExcluir
  27. Olá,
    Ótimo texto, me fez lembrar de alguns momentos que estão bem no passado.
    É fácil de se identificar.
    Angel Sakura
    www.euinsisto.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...